About Me

Jojo Todynho dá dicas de fantasias, fala de autoestima e perda de 22 quilos: 'Não ligo para padrões'

Jojo Todynho passeia pelas ruas de comércio popular no centro do Rio em busca de adereços carnavalescos — Foto: Marcos Serra Lima/G1
Como boa foliona, Jojo Todynho é antenada nas fantasias que são referência e também onde e como comprar os adereços para o carnaval.

A convite do G1, a cantora – que vai para o seu terceiro ano desfilando como destaque da Beija-Flor no carnaval do Rio – foi visitar o polo de comércio popular no Centro da cidade, a Saara, para conferir o movimento das vendas.

"Sou dessas que pesquisam. Antes de comprar os panos, os brilhos e as fantasias, tem que pesquisar os preços antes. Sou encantada pelo carnaval, pelos tecidos, por tudo. O carnaval é maravilhoso: é para se permitir e se divertir. Tem que se jogar mesmo", diz.


Para o carnaval de 2020, Jojo vai surgir na Sapucaí com uma novidade: menos 22 quilos na balança. A perda de peso, contou, se deve ao acompanhamento médico e também à certeza de ser feliz.

"Você tem que fazer o que te faz feliz, sem cometer loucuras. Tenho o acompanhamento do meu endocrinologista, o Dr. João Branco, e da minha nutricionista, Renata Pigliasco. Não saio por aí fazendo dieta louca. Tenho profissionais que cuidam de mim há mais de um ano. Sei que poderia ter perdido até mais peso, mas não sou regrada. Viajo muito e gosto de comer bem. Mas está ótimo o resultado. Estou feliz."

Mesmo não se enquadrando no padrão de beleza imposto pela sociedade, Jojo Todynho garante que o lugar por onde transita e o padrão cabem a ela decidir.

"Não ligo para padrões, onde quer que eu esteja. Quem faz o meu padrão sou eu. Ele é de acordo com o que me faz feliz. Para construir sua história, você não precisa se enquadrar em nenhum padrão. Basta seguir em frente e trilhar seu caminho. Isso vale para tudo. No meu, carnaval não é diferente", opina.

Em 2020, Jojo Todynho vai desfilar na Sapucaí pela terceira vez como destaque da Beija-Flor de Nilópolis — Foto: Marcos Serra Lima/G1
Sem recalque
Para Jojo, críticas não têm espaço nem são bem-vindas. Seja no carnaval ou em qualquer outro ambiente, a regra é não aceitar ser diminuída.

"Existe espaço para qualquer ser humano que consiga tirar da sua vida críticas que te diminuam. Ninguém pode te ferir, a não ser que você permita isso. Para mim, você conquista teu espaço, e esse processo é de dentro para fora."

"Não deixo que as críticas me atinjam. Sou muito bem resolvida, e minha autoestima está muito bem, obrigada. Só te atinge o que você permite", completa.
Beija-Flor de coração
Jojo carimbou de vez seu passaporte para Nilópolis. Na escola desde o desfile de 2018, lá a cantora foi abraçada e não pretende sair.

"A Beija-Flor é a minha escola do coração. Estou no meu terceiro ano da escola e, desde sempre, fui recebida com tanto carinho por todos. Me senti abraçada."

Jojo Todynho em seu ano de estreia em carro-alegórico da Beija-flor, que representava a luta contra a intolerância — Foto: Marcso Serra Lima/G1
Já para o desfile de 2020, no enredo “Se essa rua fosse minha”, dos carnavalescos Alexandre Louzada e Cid Carvalho, Jojo vai representar uma personagem bem conhecida dos brasileiros.

"Venho representando a Chica da Silva. Deixei tudo por conta da escola, do carnavalesco e do figurinista. Estou nas mãos de uma equipe muito competente", elogiou.

Jojo Todynho em seu segundo desfile como destaque pela Beija-Flor — Foto: Marcos Serra Lima/G1

Do G1 Rio

0 Comentários