Coronavírus: mulher é algemada ao desobedecer distância em fila


Uma mulher acabou algemada na porta de uma agência bancária por desobedecer, em duas ocasiões, o decreto municipal que ordena distância mínima de 1,5 metro entre pessoas que estiverem em filas, em Caldas Novas (GO), região turística muito procurada pelos brasilienses.

O caso ocorreu na última segunda-feira (30/03). A ordem de distanciamento tem o objetivo de evitar a contaminação pelo novo coronavírus. As informações foram publicadas pelo G1.

Clientes da agência denunciaram a atitude da mulher para a Vigilância Sanitária. Diante da resistência dela em não manter a distância necessária, a Polícia Militar compareceu ao local.

Do Metrópoles

Comentários