About Me

Com aulas suspensas, Secretaria de Educação de Umarizal elabora estratégia para que alunos tenham acesso a conteúdo em casa



Estudantes da rede municipal de ensino de Umarizal começaram a ter aulas remotas nesta segunda-feira, 04, segundo informou a secretária municipal de Educação, Aucicleide Souza. A ação faz parte das estratégias adotadas pela gestão municipal para lidar com a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). As aulas presenciais no município estão suspensas e não têm previsão de retorno, segundo o último decreto publicado pela Prefeitura de Umarizal.

“Diante dessa situação, a Secretaria Municipal de Educação (SME) definiu o Guia Prático de Estratégias ao Regime de Atividades Remotas para a Rede Municipal de Ensino de Umarizal em Tempos de Pandemia. Elaboramos essa ação junto ao Conselho Municipal de Educação com base no parecer do Conselho Estadual da Educação (CNE) sobre a reorganização do calendário escolar e a realização de atividades pedagógicas não presenciais durante o período de suspensão das aulas pelo COVID – 19”, detalhou Aucicleide.

A SME dividiu o foco das atividades remotas por etapa da educação básica. Grupos de trabalho com professores e gestores se reuniram nas últimas semanas para planejamento das ações. “Na educação infantil, para os pais ou responsáveis, disponibilizaremos atividades educativas de caráter lúdico, recreativo, criativo e interativo”, explicou a secretária. “Para o Ensino Fundamental, serão seguidos roteiros práticos e estruturados de aprendizagem”, pontuou.

Aucicleide detalha que as atividades irão considerar os recursos que cada unidade de ensino tem à disposição. Entre as estratégias que serão seguidas por educadores, estão:
  • Criação de grupos de Whatsapp para cada turma – como forma de comunicação entre as famílias, alunos, professores, coordenadores pedagógicos e gestores;
  • Distribuição de material impresso com conteúdos educacionais para os alunos realizarem atividades em sua residência de maneira autônima e/ou com o acompanhamento da família;
  • Orientação as famílias para organizar a rotina de estudos dos/das alunos, preservando o tempo e o espaço necessários para que a aprendizagem ocorra;
  • Orientação pelos os professores da Educação Infantil às famílias dos/das alunos dessa etapa de educação básica, e desenvolvimento semanalmente, uma rotina elaborada pelos professores, com sugestão aos pais de atividades lúdicas, brincadeiras e interações para o fortalecimento de laços afetivos na família, dicas de higiene, dicas de aproximação com o mundo escrito, da oralidade, do acréscimo de palavras das crianças dessa faixa- etária, no período do isolamento social;
  • Inclusão de atividades adaptadas e relacionadas às especificadas dos estudantes de Rede Municipal de Ensino com necessidades educacionais especializadas.
“Sabemos que neste primeiro momento, o regime excepcional de atividades escolares não presenciais pode causar estranhamento e muitas dúvidas, pois atendemos um público diverso e com necessidades muito específicas em nossas unidades de ensino, sejam elas de caráter pedagógico, econômico e sociocultural. Mas, não podemos nos enganar! A COVID-19 é uma realidade, e a prioridade de todas nossas ações devem ser voltadas a evitar a contaminação e preservar a vida dos nossos alunos e de seus familiares”, finalizou Aucicleide Souza.

Da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Umarizal





0 Comentários